×
Método de EMAGRECIMENTO EM 10 DIAS

Descubra como Emagrecer em Pouco Tempo GRATUITAMENTE!

Dicas Para Conservar Alimentos

Por | Dicas

Quem segue uma dieta ou mora sozinho geralmente tem sua própria lista de alimentos. O problema é que nem sempre poderá comprar em pouca quantidade ou na porção exata e começa a tarefa de guardar e conservar na geladeira, sem perder as propriedades nutritivas e nem chegar ao ponto de estragar. No geral, podemos conservar alguns alimentos em potes do tipo tupperware ou então congelando como veremos em nosso guia de conservação de alimentos. Mas é legal utilizar de outras opções para evitar desperdícios de forma saudável e até perder peso, como iremos ver neste post.

Alimentos que Não podem ser Congelados

A geladeira é a primeira opção de quem deseja conservar alimentos, mas não são todos que podem ou devem ser congelados. Entre eles temos:

Frutas, verduras e legumes – não congele alimentos que pretende usar como salada crua, como tomates, batatas, pepinos e folhas verdes. Frutas como peras, mangas e bananas, além de outras que escurecem a casca, não devem ser conservadas na geladeira, pois perdem suas propriedades em baixa temperaturas.

Maionese, iogurte e outros derivados do leite não devem ser congelados, pois perdem suas propriedades e quando descongelados podem talhar. Os fermentos são outro exemplo de alimento que perde suas propriedades quando é congelado e descongelado para uso ou consumo.

Como Conservar Alimentos

Alimentos que Podemos Congelar

Carnes

As carnes cruas talvez sejam o melhor alimento para ser congelado, pois podem permanecer por um bom tempo no freezer. Peixes duram entre 3 (gordos) e 6 (magros) meses. O frango (em pedaços ou inteiro) e a carne bovina podem ficar congelados por até 12 meses. Com exceção dos miúdos do frango que podem ficar por até 2 meses, e a carne bovina moída que pode ficar até 3 meses.

Pães, Bolos e Salgados

Os bolos, desde que sem coberturas, podem ser conservados por até 9 meses num freezer. Salgados podem ser conservados por até 6 meses, desde que não tenham sido fritos, pois daí o prazo é de até 3 meses. Se colocados no freezer os pães podem ser conservados por até 3 meses. Porém, a dica é consumir pães de forma, e guardar na geladeira para que durem mais. É possível consumir pães diariamente sem problemas então não vale muito a pena congelar.

Folhas

Como já foi dito não é interessante congelar algumas folhas quando o objetivo é consumir numa salada ou com o alimento ainda cru. E pra falar a verdade saladas só são boas se estiverem com alimentos realmente frescos, ou que acabaram de sair da horta, como se diz. Mas existem folhas que fazem parte dos ingredientes para fazer sucos (como a couve!). E o problema é quando segue uma dieta de sucos não terá como consumir um maço em poucos dias e precisa guardar as folhas de modo que não percam seus nutrientes. Aí sim, você pode congelar! E nestes casos você tem algumas opções:

Cubos de Couve

Quem gosta de um suco verde detox pode fazer cubos e só retirar quando for preparar a bebida. Para isto basta bater num liquidificador as folhas de couve com um pouco de água; coloque numa forma de gelo e deixe no freezer. Daí é só ir retirando conforme for preparando as receitas.

Charutos de Couve

Nem sempre terá uma forma de gelo disponível. Nesse caso, pode fazer rolinhos da folha da couve e colocar numa vasilha. Nesta caso também basta ir retirando conforme for preparando suas receitas.

Charutos de Folhas de Couve

Industrializados

Depois de abertos os produtos industrializados precisam ser conservados conforme indicado pelo fabricante. Mas nem sempre é informado a melhor forma de manter os nutrientes ou como fazer para que durem por mais tempo. Nestes casos ter um rolo de plástico filme em casa pode ser o primeiro passo para ter alimentos frescos por mais tempo.

Alimento Plástico Filme

Como Congelar Alimentos

O segredo para congelar alimentos está na embalagem que irá utilizar, pois ela não pode permitir contato do alimento com o ar do freezer e ainda ser resistente. Sendo uma embalagem a vácuo recomendada. O ideal é que as frutas sejam congeladas inteiras, mas se estiverem cortadas deve retirar os caroços ou sementes.

Carnes não devem ser dobradas, então se tiver uma quantidade muito grande divida em porções para congelamento. Inclusive, esta é uma excelente dica para consumo posterior, pois não corre o risco de ter que congelar novamente, o que não é legal.

Evite utilizar embalagens de alumínio, pois podem grudar no alimento e também prejudicar sua qualidade.

Descongelando Alimentos

Para as carnes o ideal é que descongelem na geladeira, para depois passarem à temperatura ambiente. Então tente tirar para degelo na noite anterior ou algumas horas antes do preparo.

Frutas e bolos podem ser descongelados fora da geladeira, mas devem permanecer na embalagem.

Os alimentos prontos são os únicos que podem ser aquecidos diretamente ou ir direto para o preparo. Mas é interessante evitar os fornos para manter os nutrientes.

Dicas Para Aproveitar Seus Alimentos

É importante saber congelar os principais alimentos, pois nunca sabe quando irá surgir a necessidade. Porém, o Super Dieta lembra que é muito melhor consumir alimentos frescos e que não passaram por congelamento, pois isto pode alterar o sabor depois de preparado. Então, a dica é saber reutilizar seus alimentos nas suas receitas. Nós já listamos algumas receitas de tapioca, por exemplo. Preparar sucos ou sanduíches também são ótimas opções de aproveitar o que está na geladeira.

Como pôde ver até aqui congelar alimentos é uma boa forma de conservar, mas é preciso seguir alguns passos que não são tão simples e de repente nem valha a pena. O ideal é que saiba controlar a dispensa e suas compras para ter todos os alimentos sempre frescos na hora de consumir.

Compartilhe!
Conheça o Método de EMAGRECIMENTO EM 10 DIAS